Loader Image

NOTÍCIAS

Cardápio do ConViver: de 6 a 10 de maio

05 | SEGUNDA-FEIRA

Salada: Alface, Tomate, Acelga, Beterraba, Lentilha e Nabo. Prato Principal: Lasanha de Peito de Frango Defumado. Opção: Linguiça Assada, Pimentão Surpresa e. Guarnição: Cenoura Sautée. Fruta: Mamão.

 

07/05 | TERÇA-FEIRA

Salada: Alface, Tomate, Salpicão, Couve-flor e Milho. Prato Principal: Bife Acebolado. Opção: e Filé de Frango à Milanesa e Filé de Frango. Guarnição: Ratatouille. Fruta: Melancia.

 

08/05 | QUARTA-FEIRA

Salada: Alface, Tomate, Brócolis, Maionese, Chicória e Cenoura. Prato Principal: Pernil Grelhado. Opção: Torta de Legumes e Filé de Frango. Guarnição: Repolho Refogado. Fruta: Melão.

 

09/05 | QUINTA-FEIRA

Salada: Alface, Tomate, Ervilha, Salada Marroquina, Rúcula e Chuchu. Prato Principal: Carne ao Molho Escuro. Opção: Escondidinho de Frango, Berinjela Recheada e Filé de Frango. Guarnição: Espaguete ao Sugo. Fruta: Manga.

 

10/05 | SEXTA-FEIRA

Salada: Alface, Tomate, Mugango, Pepino, Grão de Bico e Almeirão. Prato Principal: Lombo Assado. Opção: Torresmo, Hambúrguer de Soja e Filé de Frango. Guarnição: Couve Refogada. Fruta: Melão.

Leia Mais
...
04 de maio de 2019

Cardápio do ConViver: de 6 a 10 de maio

Alunos em palestra sobre animais peçonhentos

O médico veterinário José Roberto da Silva Filho ministrou palestra e levou animais peçonhentos durante a aula dos alunos do 6º ano do Ensino Fundamental II do Curso G9. A atividade, em 24 de abril, integra o trabalho interdisciplinar dos alunos. 

As turmas estão estudando sobre os idosos, o ciclo de vida e a expectativa de vida dos humanos. Durante o projeto, eles estudaram as causas de mortes naturais e não naturais. Durante as discussões em sala de aula, surgiu a ideia de levar algum profissional para falar sobre os animais peçonhentos, como serpentes, escorpiões e aranhas. Com isso, os professores acharam interessante unir o assunto visto em sala de aula com uma palestra sobre prevenção de acidentes com esses animais. 

“Sair do comum, da aula tradicional e proporcionar uma vivência diferenciada é uma maneira de despertar a curiosidade das turmas e uma possibilidade de levar aos alunos uma nova visão do assunto tratado em sala de aula”, e despertar a curiosidade neles”, explicou a professora de Ciências, Camila Aparecida dos Santos Pereira. Ela é uma das orientadoras do trabalho, junto com o professor de Matemática Vicente Carlos Martins. 

O médico veterinário é professor no curso de Medicina Veterinária da Fundação de Ensino e Pesquisa de Itajubá (Fepi). Durante a atividade, ele apresentou aos alunos um pouco sobre cada animal peçonhento, os tipos de veneno, como o veneno age no organismo humano e quais não geram risco às pessoas. Ao final, os alunos puderam ver e tocar alguns desses animais, uma experiência única para muitos alunos.

 

 

Leia Mais
...
02 de maio de 2019

Alunos em palestra sobre animais peçonhentos

Alunos fazem apresentação de Páscoa

Atividades lúdicas marcaram as comemorações de Páscoa dos alunos da Educação Infantil do Curso G9. A apresentação de uma peça teatral e a Saída Musical, realizadas nos dias 12 e 17 de abril, reuniu professores, pais e amigos dos alunos. 

A primeira atividade realizada foi um teatro encenado pelas professoras e monitoras da Educação Infantil. A peça contava o motivo pelo qual o coelho da Páscoa foi escolhido para entregar os ovos de chocolate para as crianças. 

Já a Saída Musical, que teve como tema a Páscoa, contou com a apresentação de algumas canções populares sobre essa data. Além das músicas em português, os alunos também apresentaram uma canção em inglês – tendo em vista o trabalho realizado com os alunos por meio do projeto Bright Futures, que é feito em parceria com a Oxford University Press. 

Além disso, os alunos foram presenteados com um porta-retratos com uma foto tirada em um cenário de Páscoa. A coordenadora da Educação Infantil, Jéssica Antunes Dias, contou um pouco sobre esse presente que os alunos receberam: “Geralmente, presenteávamos os alunos com chocolate, mas sabemos que, nessa época do ano, eles já recebem muitos doces. Por isso, resolvemos dar esse porta-retratos, como forma de marcar essa data de uma forma diferente. Além de muito significativo, também é um lindo objeto de decoração para a casa dos nossos pequenos”, explicou.

Leia Mais
...
29 de abril de 2019

Alunos fazem apresentação de Páscoa

Cardápio do ConViver: de 29/04 a 03/05

 

 

29/04 | SEGUNDA-FEIRA

Salada: Alface, Tomate, Agrião, Mugango, Cenoura Baby e Repolho Tropical. Prato Principal: Iscas de Carne Bovina. Opção: Peixe Grelhado e Filé de Frango. Guarnição: Macarrão com Molho Branco e Brócolis. Fruta: Uva.

 

30/04 | TERÇA-FEIRA

Salada: Alface, Tomate, Beterraba Cozida, Escarola, Mista de Legumes e Milho. Prato Principal: Estrogonofe de Carne. Opção: Abobrinha Recheada com Queijo e Filé de Frango. Guarnição: Batata Palha. Fruta: Mamão.

 

01/05 | QUARTA-FEIRA

FERIADO

 

02/05 | QUINTA-FEIRA

Salada: Alface, Tomate, Rúcula com Ovos de Codorna e Macarronese. Prato Principal: Pernil em Cubos com Geleia de Abacaxi com Pimenta.  Opção: Frango Assado e Filé de Frango. Guarnição: Virado de Vagem com Ovos.  Fruta: Manga.

 

03/05 | SEXTA-FEIRA

Salada: Alface, Tomate, Couve, Vinagrete, Laranja e Abobora Madura. Prato Principal: Feijoada. Opção: Omelete de Forno e Filé de Frango. Guarnição: Farofa de Proteína de Soja. Fruta: Abacaxi.

 

Leia Mais
...
27 de abril de 2019

Cardápio do ConViver: de 29/04 a 03/05

G9 promove debate sobre desafios da inclusão

Fábio Aurélio Marchelo e Fabrícia de Biaso Campos focaram a apresentação, durante a mesa redonda, no aspecto da inclusão escolar. O juiz de Direito destacou as mudanças ocorridas com Estatuto da Pessoa com Deficiência, criado pela Lei Nº 13.146, de 6 de julho de 2015.

O estatuto visa a assegurar e a promover, em condições de igualdade, o exercício dos direitos e das liberdades fundamentais da pessoa com deficiência, visando à sua inclusão social e cidadania. “Há várias decisões recentes, de março deste ano, em favor de pais que se sentiram prejudicados pelo não atendimento ao estatuto. Isso porque, no que cabe às escolas, é necessário que o estatuto perpasse todo o projeto pedagógico”, disse. 

Fabrícia de Biaso Campos destacou a importância de a escola estar preparada para atender a todos, cada um com suas necessidades. “Todas a vezes que falamos de educação de qualidade, falamos de educação inclusiva, e o G9 tem essa preocupação em seu projeto pedagógico”, afirmou.

Profissionais das áreas de educação e saúde de Itajubá e de cidades da região participaram da Mesa Redonda “A inclusão na escola e seus desafios”, promovida pelo Serviço de Educação Inclusiva (SEI) do Curso G9. O evento, que reuniu em torno de cem pessoas, aconteceu nesta quarta-feira, 24 de abril, na Sala do Pré-vestibular (PV). 

A mesa de debates foi composta pelos seguintes profissionais: Eduardo Hideo Sato, pós-graduado em Engenharia Elétrica e Eletrônica; Fábio Aurélio Marchelo, juiz de Direito; Fabrícia H. R. de Biaso S. Campos, psicopedagoga clínica, mestre em Educação Inclusiva e Políticas de Educação; Glauber Márcio Luz, licenciado em Química, professor e pai de aluno do Curso G9; Juliana Caminha Noronha, mestre em Administração, mãe de aluno do Curso G9; e Maria Aparecida Fernandes, diretora Pedagógica do Curso G9. A mediação foi do professor do Curso G9, Petrus Ricetto. 

“Toda educação de qualidade é inclusiva e a escola é um ambiente inclusivo, com suas falhas, sim. Mas enfrentamos o desafio diário de estarmos corrigindo essas falhas, numa construção com a comunidade escolar”, disse Maria Aparecida Fernandes. “Escola inclusiva é aquela que garante a qualidade de ensino educacional a cada um de seus alunos, a todos, reconhecendo e respeitando as diversidades”, completou. 

Atividades

A mesa redonda marcou o encerramento da terceira edição do Mês do Bem-Querer, uma série de atividades realizadas na escola sobre a importância da inclusão social e sobre o respeito às diferenças. Houve atividades pedagógicas em salas de aula em 21 de março, Dia Internacional da Síndrome de Down, e em 2 de abril, Dia Mundial de Conscientização do Autismo, quando foram refletidas com todas as turmas a importância do respeito à diversidade. 

Também no dia 2 de abril, houve uma edição especial do projeto Saída Musical, com alunos do 1º ano do Ensino Fundamental I e do Coral G9 EnCanto, que apresentaram quatro canções à comunidade escolar com temática de inclusão. 

Outra ação foi uma Sessão do Cineclube para os alunos do Ensino Fundamental II, que assistiram ao filme “Primeiro da Classe”, cujo personagem principal, desde a infância, sofre preconceitos devido a Síndrome de Tourette. 

Inclusão Social

Eduardo Sato e Juliana Caminha, pais de alunos do Curso G9, abordaram a importância de a escola e a sociedade estarem preparadas para que a inclusão seja “algo natural”. “A inclusão precisa começar em casa, quebrando preconceitos. Na verdade, nunca estamos preparados para ter um filho com algum tipo de deficiência”, explicou Eduardo Sato. “Outra coisa importante é se cercar de bons profissionais desde o início, pedir ajuda. Depois, fazer esse acompanhamento também no ambiente escolar”, completou. 

Para Juliana Caminha, é fundamental que todos, pais e profissionais, “não tenham medo de errar, de perguntar e de tentar compreender maneiras de se fazer a inclusão como algo normal”. “O que é ser normal? Estou à procura de alguém assim”, disse, ao completar: “todos somos diferentes uns dos outros, temos necessidades diferentes; assim, também ocorrer com uma criança autista”, exemplificou. 

Já Glauber Luz, que tem diagnóstico TDHA (Transtorno de Déficit de Atenção com Hiperatividade), o mais importante é fugir de “rótulos, laudos e CID – Classificação Estatística Internacional de Doenças e Problemas Relacionados com a Saúde”. “Precisamos reaprender a olhar o outro e estar aberto a compreender cada um com suas diferenças. Precisamos de afetividade e dialogia, que a arte de saber conversar com o outro”, destacou. 

Inclusão Escolar

Leia Mais
...
26 de abril de 2019

G9 promove debate sobre desafios da inclusão

Orquestra Experimental se apresenta no Inatel

Uma experiência diferente para os músicos da Orquestra Experimental do Curso G9. Eles acompanharam a palestra do maestro e professor, João César da Silva, no auditório do Instituto Nacional de Telecomunicações (Inatel), de Santa Rita do Sapucaí, em 13 de abril. O tema foi “A Física no Lúdico”, voltado aos alunos da Faculdade de Física da instituição. 

“A apresentação foi um desafio para mim e para a orquestra”, explicou o professor. “Procurei falar da Física dentro da Música, como ondas estacionárias, série harmônica, superposição harmônica, ciclo de quintas, escala logarítmica, propriedades fisiológicas do som etc. Tudo com muita música, experiências e interação com o público. Acredito que fica mais fácil compreender Música ao entender o fenômeno acústico”, disse. 

Para os músicos da Orquestra, continuou João César, houve toda uma preparação durante as aulas, que acontecem sempre às sextas-feiras. “A apresentação foi muito interessante, a começar por ter ocorrida dentro de um teatro, com uma ótima acústica. Sem contar que o público estava preparado para ouvir, tanto a palestra como as canções que escolhemos para apresentar”, completou. 

“Os alunos compraram a ideia desde o começo e deram um show nas interações e nas apresentações. Uma das melhores apresentações que já montamos, com canções de Led Zeppelin a Fred Mercury”, ressaltou. 

Para o aluno Rafael Gelfuso Thomazini, “a experiência foi muito boa porque todos da plateia estavam interessados na palestra, e o João César conseguiu prender muito bem a atenção deles, dando um tom bem leve e interessante para as explicações”. “Para mim, como um integrante da orquestra foi muito gratificante, estávamos muito bem preparados e fizemos uma ótima apresentação”, completou.

 

Leia Mais
...
25 de abril de 2019

Orquestra Experimental se apresenta no Inatel

Dois alunos do G9 integram a Câmara Mirim

Dois alunos do 9º ano do Ensino Fundamental II do Curso G9, Mateus Henrique Moraes Chaves e Sarah Dias da Silva, irão compor a Câmara Mirim de Itajubá, que tomou posse, em 10 de abril, no Teatro Municipal Cristiane Riêra, durante sessão Solene da Câmara dos Vereadores. O evento reuniu diversas autoridades da cidade, além de familiares e professores. 

Mateus Henrique Moraes Chaves, da Turma F91 e Sarah Dias da Silva Lucas, da Turma F92, representarão a escola durante as sessões da Câmara Mirim e participarão de diversas atividades relacionadas ao cargo que ocupam. 

“Essa participação é algo fantástico porque significa que seus colegas apoiam, confiam e escolheram você para representá-los”, disse Sarah Chaves. “Ser uma vereadora mirim significa que você pode fazer algo a mais para sua cidade, ajudar as pessoas e pensar em diversas formas de transformar a cidade em um lugar melhor para todos”, completou. 

Mateus compartilha do mesmo sentimento de gratidão de Sarah. “Acredito que essa é uma grande oportunidade porque ganhei a confiança dos meus colegas e consegui mostrar para eles que eu posso representar a nossa escola”, destacou.

Posse

Ao início da Cerimônia de Posse, o grupo Câmara Coral cantou três músicas para o público presente. Logo após a apresentação do canto coral, houve a diplomação dos Vereadores Mirins.

Para compor a Mesa Diretora, a Câmara Municipal de Itajubá convidou a primeira presidente da Câmara Mirim, Thamyrys Roberta Santana, que foi eleita em 2006. Durante a cerimônia, ela contou um pouco sobre sua experiência como presidente e apontou a importância do protagonismo dos alunos desde cedo na política. 

Além disso, houve a votação para decidir quais Vereadores Mirins iriam compor a Mesa Diretora da Câmara Mirim. Foram eleitos os seguintes alunos: Presidente: Sara Maia da Silva; 1º Vice-Presidente: Matheus Henrique Moraes Chaves; 2º Vice-Presidente: Henrique Luz Goulart; 1ª Secretária: Gabriela Del Guerso Mendes; 2º Secretário: João Lucas Costa Xavier. 

“Achei muito legal ser eleito para a primeira vice-presidência porque é um cargo que pode auxiliar o presidente e, ao mesmo tempo, consegue atuar em outras áreas da Câmara, auxiliando os demais vereadores e as pessoas”, destacou Matheus Chaves. 

Após a votação, os Vereadores Mirins assumiram a Mesa Diretora e conduziram o restante da Sessão.  A próxima atividade será uma Sessão Ordinária, que acontecerá dia 26 de abril, às 16h, no plenário da Câmara.

 

Leia Mais
...
24 de abril de 2019

Dois alunos do G9 integram a Câmara Mirim

Guia de Profissões promove 2 atividades

Engenharia Aeronáutica

A outra atividade do Guia de Profissões aconteceu no Curso G9, em 15 de abril. O tema foi sobre Engenharia Aeronáutica. Para ministrar a palestra, a escola convidou o ex-aluno Luiz Flávio Dias para contar um pouco de sua experiência na área. Luiz é graduando em Engenharia Aeronáutica pela Universidade de São Paulo – Campus São Carlos e estagiário do Google. 

“Quando for escolher uma faculdade, leve em conta se o lugar onde pretende morar recebe alunos de outras regiões do país. Uma das melhores coisas da USP São Carlos é que tem pessoas de todo país, com culturas e conhecimentos diferentes. Isso gera em você uma vontade e uma curiosidade de aprender sempre”, disse. 

Luiz Dias contou aos alunos sobre o curso e a universidade, mostrou as áreas de atuação de um engenheiro aeronáutico e tirou as dúvidas que os alunos tinham sobre o tema.

 

Veja outras atividades do Guia de Profissões de 2019:

Alunos do Curso G9 visitam Unifei

Guia de Profissões aborda as carreiras em Direito

Guia de Profissões aborda cursos da Unifei

Alunos do Ensino Médio do Curso G9 participaram de mais duas atividades do Guia de Profissões em abril: a primeira foi uma visita técnica à Faculdade de Medicina de Itajubá (FMIT), no dia 11, e uma palestra sobre Engenharia Aeronáutica, no dia 16. 

O Guia de Profissões é um projeto pedagógico que tem como objetivo ajudar os alunos da 3ª sério e do Pré-vestibular nesse momento de escolha de qual carreira seguir. Para isso, realiza palestras e visitas às instituições de ensino superior de Itajubá e região. 

“Achei muito legal a visita porque vimos um pouco da rotina dos alunos na Faculdade de Medicina”, disse a aluna do Pré-vestibular, Ana Julia Estevam. Durante a atividade, os pré-vestibulandos visitaram os diversos laboratórios da faculdade, conversaram com alunos e professores do curso e viram como é o dia a dia de um estudante de Medicina.

Leia Mais
...
23 de abril de 2019

Guia de Profissões promove 2 atividades

Alunos do 8º ano: palestra sobre Radioatividade

A primeira parte dos estudos consistiu em uma pesquisa sobre os malefícios que a radioatividade pode causar nos seres humanos e na natureza. 

Para dar continuidade ao trabalho, os alunos assistiram a uma palestra sobre a “Radiação e Radioatividade na Prática Médica”, ministrada pelo médico radiologista, Rodrigo Ribeiro Tiengo. Durante a atividade, ele contou um pouco sobre a história do descobrimento da radioatividade na Medicina, por meio do Raio-X, e apontou os principais prejuízos que a técnica causou nos primeiros médicos a utilizá-la. 

“Esse encontro foi muito bom porque os alunos estavam muito curiosos e fizeram diversas perguntas bastante pertinentes ao assunto em questão”, disse o médico. 

Além desse seminário, outras duas palestras aconteceram como forma de sensibilização dos alunos para o tema da Feira do Conhecimento do Curso G9. Saiba um pouco mais sobre esses seminários neste link.

 

 

Alunos do 8º ano do Ensino Fundamental II do Curso G9 participaram de uma palestra sobre Radioatividade, com o  objetivo de aprofundar os estudos e pesquisas para a Feira do Conhecimento de 2019. O tema da Feira é os 150 anos da criação da Tabela Periódica. 

As turmas têm como subtema da Feira do Conhecimento “Aplicações da Energia Nuclear e das Radiações”. A atividade aconteceu no dia 12 de abril, na própria escola. Devido a essa data histórica, a Organizações das Nações Unidas (ONU) escolheu 2019 como o Ano Internacional da Tabela Periódica dos Elementos Químicos. 

Pesquisas

Leia Mais
...
22 de abril de 2019

Alunos do 8º ano: palestra sobre Radioatividade

Cardápio do ConViver: de 22 a 26 de abril

22/04 | SEGUNDA-FEIRA

Salada: Alface, Tomate, Ervilha, Palmito, Cenoura Cozida e Agrião. Prato Principal: Bife Acebolado. Opção: Linguiça Assada e Filé de Frango. Guarnição: Couve-flor Alho e Óleo. Fruta: Mamão.

 

23/04 | TERÇA-FEIRA

Salada: Alface, Tomate, Ovo de Codorna, Couve-flor, Grão de Bico e Brócolis. Prato Principal: Filé de Frango à Pizzaiolo. Opção: Carne de Panela e Filé de Frango. Guarnição: Macarrão Gratinado. Fruta: Manga.

 

24/04 | QUARTA-FEIRA

Salada: Alface, Tomate, Berinjela com Vinagrete, Couve e Maionese. Prato Principal: Lombo ao Molho de Mostarda.  Opção: Quibe Assado e Filé de Frango. Guarnição: Farofa Simples.  Fruta: Uva.

 

25/04 | QUINTA-FEIRA

Salada: Alface, Tomate, Batata Doce, Acelga Tropical e Milho. Prato Principal: Frango Enrolado com Bacon.  Opção: Costelinha Suína com Molho Barbecue e Filé de Frango. Guarnição: Batata Frita de Forno. Fruta: Abacaxi.

 

26/04 | SEXTA-FEIRA

Salada: Alface, Tomate, Nabo, Chuchu, Repolho Roxo e Lentilha. Prato Principal: Carne Assada. Opção: Frango com Quiabo e Filé de Frango. Guarnição: Polenta com Molho Sugo e Queijo. Fruta: Laranja.

 

Leia Mais
...
17 de abril de 2019

Cardápio do ConViver: de 22 a 26 de abril

Aluno avança para 2ª fase da Olimpíada de Biologia

O aluno da 2ª série do Ensino Médio do Curso G9, Pedro Henrique Mouallem Gonçalves [foto], foi aprovado para a segunda fase da XV Olimpíada Brasileira de Biologia (OBB). A competição é organizada pelo Instituto Butantan, um dos maiores centros de pesquisa do mundo, e levará os vencedores para a 30ª Olímpiada Internacional de Biologia (IBO), que acontece em julho, na cidade de Szeged, na Hungria. 

A primeira fase da olímpiada foi realizada em 22 de março e reuniu em torno de 9,3 mil alunos do Ensino Médio do Brasil, sendo 19 de Itajubá – o município classificou outros dois estudantes para a próxima etapa. Além da Olimpíada Brasileira de Biologia, os alunos do Curso G9 também participaram da “Canguru de Matemática”. 

A prova da segunda fase será realizada em 28 de abril. Os 16 melhores classificados avançam para a terceira etapa, que prevê uma capacitação prática intensiva em biologia molecular, bioquímica, bioinformática, botânica e zoologia nos laboratórios do Butantan, em São Paulo. Destes, quatro serão selecionados para a competição internacional e outros quatro para a ibero-americana.

Leia Mais
...
16 de abril de 2019

Aluno avança para 2ª fase da Olimpíada de Biologia

Cineclube do G9 aborda Síndrome de Tourette

Essa síndrome consiste em um distúrbio neuropsiquiátrico que tem como principais sintomas tiques motores e verbais involuntários, como franzir a testa, piscar, fungar e falar palavras de forma parcial ou completa. Ela se manifesta na infância e segue com a pessoa até a velhice. Apesar dessa síndrome não ter cura, já existem diversos tratamentos psicológicos e medicamentos que ajudam a controlar os sintomas. 

Mês do Bem-Querer

Esse é um projeto do Curso G9 que tem como objetivo conscientizar os alunos e toda a comunidade escolar sobre a importância da inclusão social e o respeito às diferenças, tanto dentro como fora da do ambiente escolar. São várias atividades instrutivas e recreativas que acontecem durante o mês, que vão desde aulas de Educação Física adaptada, até seminários e Mesa Redonda.

Alunos do Ensino Fundamental II do Curso G9 participaram da primeira edição do ano letivo do projeto Cineclube e assistiram ao filme “Primeiro da Classe”. A sessão, em 10 de abril, integra o calendário de atividades do Mês do Bem-Querer. 

O Cineclube é uma atividade pedagógica do Curso G9 que tem como objetivo levar aos alunos um conteúdo estudado em sala de aula de forma lúdica. Logo após a exibição do filme, acontece uma roda de conversa, na qual os alunos trocam ideias e fazem perguntas ao professor que mediou a atividade. 

O filme “Primeiro da Classe” apresenta a história de Brad Cohen, um professor dos Estados Unidos que convive com a Síndrome de Tourette desde os seis anos de idade. O filme conta sobre o preconceito que Brad sofreu por conta da síndrome e mostra o amor que ele tinha pelo magistério, que o levou a superar as dificuldades. 

Após o filme, os alunos participaram de uma conversa, mediados pela professora Pollyanna M. Freitas Leite, que ministra as aulas de Ciências Biológicas. Várias dúvidas e questionamentos foram levantados, o que proporcionou um momento de aprendizagem para os alunos. 

Síndrome de Tourette

Leia Mais
...
15 de abril de 2019

Cineclube do G9 aborda Síndrome de Tourette

Cardápio do ConViver: de 15 a 19 de abril

 

 

15/04 | SEGUNDA-FEIRA

Salada: Alface, Tomate, Cenoura, Brócolis, Repolho Roxo e Rúcula. Prato Principal: Frango Assado. Opção: Pernil em Cubos Acebolado e Filé de Frango. Guarnição: Nhoque à Bolonhesa. Fruta: Abacaxi.

 

16/04 | TERÇA-FEIRA

Salada: Alface, Tomate, Beterraba Cozida, Escarola, Abóbora Madura e Salpicão de Frios. Prato Principal: Lagarto ao Molho Madeira. Opção: Salsicha Italiana e Filé de Frango. Guarnição: Batata Rústica. Fruta: Melancia.

 

17/04 | QUARTA-FEIRA

Salada: Alface, Tomate, Mugango, Palmito com Ervilha e Presunto, Ovos de Codorna e Grão de Bico. Prato Principal: Fricassê de Frango.  Opção: Peixe Grelhado e Filé de Frango. Guarnição: Vagem com Ervas Finas.  Fruta: Melão.

 

18/04 | QUINTA-FEIRA

FERIADO

 

19/04 | SEXTA-FEIRA

FERIADO

 

Leia Mais
...
13 de abril de 2019

Cardápio do ConViver: de 15 a 19 de abril

Guia de Profissões aborda cursos da Unifei

Guia de Profissões

Essa foi a terceira edição do Guia neste anos. No primeiro encontro, os alunos participaram de uma visita técnica à Unifei, em 14 de março, através do projeto da própria universidade intitulado “Unifei Portas Abertas”. Na segunda atividade, em 25 de março, houve uma palestra sobre o curso de Direito e as diversas áreas jurídicas. 

As próximas atividades do Guia de Profissões são: visita técnica à Faculdade de Medicina de Itajubá (FMIT), em 11 de abril, e uma palestra sobre o curso de Engenharia Aeronáutica, que acontecerá em 15 de abril, com a participação do ex-aluno do Curso G9, Luiz Flávio Dias.

Alunos Ensino Médio e do Pré-vestibular do Curso G9 participaram de mais uma edição do Guia de Profissões, projeto que tem como objetivo esclarecer as dúvidas que os vestibulandos têm sobre os diversos cursos do ensino superior. O tema foi sobre os cursos oferecidos pela Universidade Federal de Itajubá (Unifei). A palestra aconteceu na tarde do dia 5 de abril. 

Um dos convidados foi o professor da Unifei, Rodrigo Almeida, que apresentou as diversas áreas das engenharias, mostrou as principais diferenças entre elas e sobre as vantagens e oportunidades dos cursos ofertados pela universidade. 

Além disso, a graduanda em Administração pela Unifei, Natalia Goulart Avelar, contou um pouco sobre seu curso, sobre a área de atuação do administrador e sobre os projetos de extensão que a universidade oferece aos alunos. Ela disse que a escolha pela Administração surgiu a partir de umas das edições do Guia de Profissões, realizada em abril de 2016.

Leia Mais
...
11 de abril de 2019

Guia de Profissões aborda cursos da Unifei

G9 promove primeiro Intervalo Musical de 2019

O Intervalo Musical, assim como a Oficina de Música e da Orquestra Experimental do G9, é coordenado pelo professor de Música, João César da Silva. “É um grande desafio para os alunos se apresentarem para o público. Isso desenvolve uma série de habilidades que, com certeza, irá ajudá-los na vida acadêmica e profissional”, explicou. 

Além disso, João César ressaltou que esse tipo de atividade permite uma “vivência proveitosa” para os alunos que se interessam pela área musical: eles aprendem como funciona uma apresentação, desde a afinação dos instrumentos, a passagem de som e a apresentação. 

A primeira edição do Primeiro Intervalo Musical aconteceu na manhã de 29 de março, no ginásio da escola. A ideia é que essa atividade ocorra regularmente, em toda última sexta-feira do mês. Vale destacar que os alunos interessados em música podem participar das oficinas e da Orquestra Experimental.

A primeira edição do ano letivo do projeto Intervalo Musical animou a manhã dos alunos do Curso G9. A atividade visa proporcionar um momento de descontração e de integração entre os alunos durante o intervalo das aulas, além de desenvolver as habilidades artísticas dos estudantes que participam da Oficina de Música e da Orquestra Experimental. 

“Estou sem palavras para descrever como foi o intervalo, foi muito bom!”, disse a aluna Sophia Correa Monteiro Santos, do 6º ano do Ensino Fundamental II (Turma F61), que tocou teclado durante as apresentações. “Isso é algo muito bom, pois quando a gente toca algum instrumento transmite coisas boas para as outras pessoas”, completou.

Leia Mais
...
09 de abril de 2019

G9 promove primeiro Intervalo Musical de 2019

Curso G9 promove 3ª edição do Mês do Bem-Querer

Programação

O Mês do Bem-Querer consiste em diversas atividades realizadas na escola sobre a importância da inclusão social e sobre o respeito às diferenças. A programação foi organizada pelo Serviço de Educação Inclusiva (SEI) do G9, em parceria com as coordenações de cada segmento. 

Confira abaixo as próximas atividades do Mês do Bem-Querer:

10/04 – Quarta-Feira (14h) | Cine Clube (EFII) – Filme Primeiro da Classe (Síndrome de Tourette). 24/04 – Quarta-Feira (19) | Mesa Redonda com os Pais – Inclusão na Escola e seus desafios; Mês de Abril | Outras Ações: Luz de cor azul na fachada da escola; Aulas de Educação Física adaptada – EFII; e apresentação de Vídeos e Textos para discussão em sala de aula.

Uma apresentação do projeto Saída Musical abriu oficialmente a terceira edição do Mês do Bem-Querer do Curso G9, que visa conscientizar os alunos e familiares sobre a importância da inclusão social. A atividade aconteceu em 2 de abril, quando se comemora o Dia Mundial de Conscientização do Autismo. 

Participaram da apresentação alunos do 1º ano do Ensino Fundamental I e do Coral G9 EnCanto, formado por crianças do 2º ao 5º anos. Durante o momento, eles cantaram quatro músicas que falavam sobre amor e carinho. 

Além disso, durante o dia, os alunos da Educação Infantil e do Ensino Fundamental I realizaram diversas atividades voltadas à conscientização do autismo, como a leitura de livros, confecção de cartazes, entrega de adesivos e o Dia do Abraço – atividade que os alunos receberam os pais e funcionários com carinho.

Leitura

Os livros estudados foram: “Meu amigo faz iiiii”, de Andréa Werner; “Um amiguinho diferente”, da Turma da Mônica; “A escova de dente azul”, de Marcos Mion; “Meu amigo especial”, de Anna Paula Brito; “Especialmente azul”, de Viviane Guimarães; e “Professor, Mãe de autista”, de Lia Maia. 

Para a coordenadora pedagógica do Ensino Fundamental I do Curso G9, professora Nilceia Julliana Ribeiro Carvalho Pereira, esse tipo de trabalho é muito importante por “levar uma luz aos alunos sobre o tema e mostrar-lhe que não há problema nenhuma em sermos diferentes”. “Quanto mais os alunos sabem e conhecem sobre esses temas, mais eles têm a condição de ajudar os colegas”, explicou. 

“É nítida a diferença que essas atividades fazem na vida dos alunos, pois quanto mais conscientes sobre as diferenças, mais aptos eles estão para enturmar todos os alunos”, ressaltou Nilceia Pereira.

Leia Mais
...
07 de abril de 2019

Curso G9 promove 3ª edição do Mês do Bem-Querer

TOPO